Mini-empadas.

Porque é que tudo o que é "mini" parece gourmet? Claro que para isso ajudam as minhas fantásticas fotos de food styling (cof cof...), como poderão comprovar mais abaixo. 

Estas empadinhas foram adaptadas do livro da Joana Roque, Feito em Casa, autora de um dos meus blogues de culinária favoritos. Foi das poucas prendas que pedi no Natal passado e a ela recorro muitas vezes quando fico encarregue de levar petiscos para festas. Estas empadas nem deveriam chamar-se assim. São uma espécie de bolinhos salgados onde a massa se mistura com o recheio, mas chamemos-lhes empadas como quem as criou.

A minha adaptação da receita:

Fiz um refogado com meia cebola e dois dentes de alho em azeite ao qual juntei 2 cogumelos frescos grandes partidos em cubos pequenos e uma dose generosa de espinafres (não pesei, esqueci-me!). Quando estava o recheio cozinhado, temperei com sal e pimenta e depois espremi o líquido ao máximo numa escorredor.
Bati 2 ovos inteiros com uma chávena de leite morno, juntei 1 colher de sopa de margarina derretida, 1 chávena de farinha de trigo e 4 colheres de sopa de farinha Maizena. Nas formas de silicone para empadas, coloquei meia colher de sopa de massa, outra cheia de recheio e terminei com outra de massa. As formas não ficaram preenchidas até ao topo. Enchi 16 formas de silicone que foram a forno quente cerca de 30 minutos.



Comments

  1. Tenho de experimentar, mas sem espinafres... :)

    ReplyDelete
    Replies
    1. carne picada? queijo e fiambre? alheira?...

      Delete

Post a Comment

Popular Posts