"Porque" - Sophia de Mello Breyner.


Porque os outros se mascaram mas tu não
Porque os outros usam a virtude
Para comprar o que não tem perdão.
Porque os outros têm medo mas tu não.

Porque os outros são os túmulos caiados
Onde germina calada a podridão.
Porque os outros se calam mas tu não.

Porque os outros se compram e se vendem
E os seus gestos dão sempre dividendo.
Porque os outros são hábeis mas tu não.

Porque os outros vão à sombra dos abrigos
E tu vais de mãos dadas com os perigos.
Porque os outros calculam mas tu não.


Comments

  1. também tenho um fraquinho pela escrita da Sophia de Mello Breyner.
    Beijinhos e obrigado pela visota :)

    ReplyDelete
  2. Magia e genialidade em forma de verso.

    ReplyDelete
  3. Um dos meus poemas de sempre... Já o dediquei às "minhas" pessoas.

    ReplyDelete

Post a Comment

Popular Posts