Gnocchi.


Gosto da maneira como os brasileiros escrevem gnocchi: "nhoque"! Dá logo vontade de trincar, não dá? Durante anos julguei que se tratasse de mais uma massa à base de farinha de trigo, mas recentemente vim a descobrir que são feitos à base de batata. E após ter encontrado um saco de batatas no frigorífico (fica aqui a dica também, no frio as batatas duram mais tempo!) decidi dar-lhes uso. Enfiei-me na cozinha um bom bocado porque os gnocchi apesar de pequeninos e amorosos, dão trabalho, e lembrei-me do molho de tomate picante que tinha congelado há dias. Deixei-o a descongelar durante a noite e no almoço seguinte envolvi os gnocchi neste molho bem apurado, polvilhei com queijo mozzarella ralado e foi ao forno até gratinar. Depois de um treino bem puxado no ginásio, nada nos poderia ter sabido melhor! E amanhã volto para as máquinas para queimar estes hidratos de carbono todos novamente! ;)

~ Ingredientes ~

receita retirada daqui

1 kg de batatas descascadas, cozidas  em água e sal
1 colher de sopa de margarina
1 ovo
2 colheres de chá de sal
2 chávenas (250ml) de maizena

Depois de cozer as batatas em água e sal, reduzi-las a puré no passe vite. Juntar o ovo, a margarina e o sal. Amassar bem com uma colher de pau enquanto se adiciona gradualmente a maizenas até unir. Ferver uma panela de água com sal. Com as mãos, formar os gnocchi rectangulares, os quais devem ser deitados na água. Um ou dois minutos depois estes estão cozidos e sobem à superfície. Retirá-los com uma escumadeira e depositá-los num pirex grande. Envolver em molho de tomate (branco, à bolonhesa...) e polvilhar com queijo ralado. Levar ao forno até gratinar.

Nhoque, nhoque!

Comments

  1. Ando tentada em fazer mas quase todas me dizem que dá trabalho e penso logo em deixar para outra altura...Mas adoro nhoque :) e o teu pirex é tentador!
    Bjoka
    Rita

    ReplyDelete
  2. Ai ai ai... És a segunda a tentar-me com os gnochis ou nhoque como lhe queiras chamar!!
    Acho que tenho adiado a receita por preguiça, porque pelos visto é trabalhosa, mas ao ver este teu pirex, acho que a vou mandar dar uma volta!!
    Mais uma pro caderninho!!!
    Beijinhos,
    Mena.

    ReplyDelete
  3. Só o trabalho que dão fico logo sem vontade, mas tenho de arranjar inspiração e tempo para os fazer. Mas quando fizer é em quantidade industrial pois sei que se podem congelar :)

    beijinhos

    ReplyDelete
  4. eu adooooro gnocchi, que bela ideia que me deste para o jantar :)

    ReplyDelete
  5. Olá....
    Que excelente aspecto ;).... Adoro gnocchis :)..... Adorei a tua sugestão e apresentação que está de 5 ***** :D.... Beijocas...

    http://nacozinhadaleonor.blogspot.pt/

    ReplyDelete
  6. Meninas, que bom que gostaram! Devo confessar que a trabalheira que dá fazer gnocchi pode ser evitada comprando os pré-feitos no supermercado e depois acrescentando o molho a gosto. Não é daqueles pratos que faz TOOOODA a diferença ser feito em casa, como as almôndegas, por exemplo. Porém, não dão para congelar, porque tanto a batata como a maizena perdem as suas propriedades e não são aptas a esta conservação. Beijinhos e bom fim de semana!

    ReplyDelete
  7. Gostei muito, brevemente irei experimentar, kiss

    P.S. Não esquecer o passatempo a decorrer no meu blog
    http://tertuliadasusy.blogspot.pt/2013/04/projeto-escolha-do-ingrediente.html

    ReplyDelete
  8. Como é que uma pessoa consegue levar uma dieta a cabo e ao mesmo vir ao teu blog? Não é possível! Vou fazer estes nhoques assim que possa, não quero saber :O

    ps.: as baratas duram mais tempo no frio? :P
    "(fica aqui a dica também, no frio as baratas duram mais tempo!)"

    ReplyDelete
    Replies
    1. Exactamente, se guardares as batatas no frigorifico elas duram mais tempo do que se as deixares cá fora como acontece, por exemplo, com as cebolas.
      Acabei de ler o teu post sobre a visita ao ginasio. Era uma dose destes gnocchi e tinhas de lá voltar mais três vezes seguidas! Não te fazias mt rogada, pois não? ;)

      Delete
    2. Estou aqui a aguentar-me para não fazer esta receita :( sinto-me como um alcoolico que não pode tocar em whisky, quase que tremo.
      Ahhhhhhhhhhhffff.

      ah, a afirmação que copiei do teu texto foi porque escreveste baratas e não batatas ;)

      Delete
    3. loooool ca nojo!!! e eu li a frase no teu post várias vezes e a tua chamada de atenção ontem e não reparei na troca de letras! já está emendado! obrigada!

      Delete
  9. Anotei a sua receita e farei em breve! Da um passadinha la no meu blog!
    http://prepararprovarpostar.blogspot.com.br/

    ReplyDelete
  10. Isso tem muito bom aspecto, eu provei gnocchi pela primeira vez em Itália e devo dizer que a consistência (meia elástica e jelatinosa) só me deu vontade de ir vomitar. Mas já vi uma versão da Nigela que fez gnocchi e depois fritou um bocadinho e isso já é totalmente diferente! Mas assim gratinado também me parece muito muito bem!

    ReplyDelete
  11. Adoro "nhoques", mas confesso que nunca os faço, compro sempre no Brio, quando os encontro, nem sempre têm. Fazer dá muito trabalho, só se estiver mesmo muito bem disposta, com tempo pela frente e com muita vontade de os comer, caso contrário, fico quieta :)

    ReplyDelete
  12. Olá Maria,
    Vim aqui espreitar a tua página, porque hoje foi a partilha do teu blog e eu apesar de o partilhar não conhecia.
    Já cusquei e fiquei fã.
    Nunca fiz gnocchi ou nhoques , mas já comi e gostei.... bem gulosos
    Bjns
    Isabel

    ReplyDelete

Post a Comment

Popular Posts