As excelentes memórias que procuram ganhar um cabaz de Conservas Nero!


Nas últimas semanas este blogue suscitou o interesse de muitos conhecidos e desconhecidos pelo passatempo realizado com as Conservas Nero. Eu tive oportunidade de partilhar convosco receitas originais inspiradas nas minhas memórias e a vocês foi-vos dada a possibilidade de contribuir para este espólio de sabores e recordações com as vossas próprias histórias. Adorei cada uma das participações e dei por mim a identificar-me com muitas delas. Não sou atrevida ao ponto de acreditar que contribuí para provar que existe uma espécie de repositório comum a todas as recordações, mas creio que, no fundo, somos todos muito parecidos. Em diferentes níveis, em graus distintos, acredito que nos compreendamos ao ponto de dispensar palavras e de apenas necessitarmos de sons, cheiros, pequenas recordações recortadas para nos entedermos. E de comida.

Mas chega de esoterismo! Cá está a minha eterna mania de tentar interpretar tudo até à mais ínfima partícula, quando a resposta nem sempre se encontra nas profundezas mas mesmo à superfície. Vamos então às participações em competição:


O folhado de atum português Catraio com espinafres da Anabela Reixelo Rebelo que a fez recordar a primeira vez que cozinhou depois de casada.





A açorda de atum da Paula Rodrigues inspirada na culinária da sua Avó Chica.


O paté de atum com maionese da Daniela Marques replicado de um dia passado em família que não voltou a repetir-se.



O torricado do Camané da Ementa da Casa que o fez recordar-se dos verões em que ajudava o pai no campo e onde partilhavam latas de conservas.


Já a Maria João do Ponto de Rebuçado foi buscar ao seu primeiro livro de receitas um excelente bolo de maçã.


A Patrícia do Food With a Meaning brindou ao passado com vinho doce.


A Susy apanhava amoras na beira da estrada com a avó e aproveitou para nos trazer um bolo de amoras e chocolate branco.



A Marmita Lisboeta da Ana recorda-se de partilhar uma lata de sardinhas em conserva com o pai e até hoje estima esses pedaços de memória.


A Gori do Doce Fim de Semana trouxe-nos uma das suas primeiras experiências culinárias: panquecas/crepes!


A Cacahuete optou por homenagear a sua mãe super heroína com uma quiche original.


A Sandra trouxe-nos uns caracóis carregados de saudades daqueles que sempre deram sem esperar nada em troca.


A Liliana Silva participou directamente no facebook do blogue com a sua memória dos piqueniques na praia com a família e uma salada fresca.


 A Ana do Cozinhar sem Lactose trouxe-nos umas almôndegas carregadas de nutrientes e saudades.


A Paula do Pão de Cereais entusiasmou-se com o repto lançado e participou três vezes!!!





E um delicioso pão de sardinhas...



E agora, quem será o grande vencedor?! Vá lá, aguardem até dia 16... e até lá têm aqui muita receita para experimentar! Quem sabe estas vos ajudam a abrir o livro de memórias...
 


♥ Lovely Sponsor ♥ 


Comments

  1. :( não consegui ... Desculpa ...
    Cada uma melhor que a outra! Vai ser dificil a escolha ... :)
    Beijinho doce e um dia feliz!

    ReplyDelete
  2. Não contaste com a minha participação! :-( O que é que aconteceu para ficar de fora?

    ReplyDelete
  3. Tantas coisas boas que temos conservadas na memória! :)
    Beijinhos

    ReplyDelete
  4. Tanta coisa boa, hum hum uma escolha bem difícil.

    Beijinho

    ReplyDelete
  5. Tanta coisa boa!!
    Não consegui participar a tempo querida, desculpa.
    Quem sabe numa próxima oportunidade...
    Beijinhos grandes,
    Lia.

    ReplyDelete
  6. Por mim, venciam todas!!! Está tudo muito caprichadinho e com uma apresentação maravilhosa!!!
    Beijinhos

    ReplyDelete

Post a Comment

Popular Posts