Olfacto: Muffins de chocolate com seiva de agave.


Chegar a casa depois do trabalho. Pensar: "agora é hora de pegar na tese". Reformular: "não me apetece". O doutoramento está em estado comatoso há meses, qualquer dia terei de cozinhá-lo porque se transformou num vegetal (ahaha, sou tão parva...)!

Maneiras de procrastinar: ligar o computador. Facebook, facebook, facebook. Pronto, já chega. Estou satisfeita. Pegar no telemóvel, vasculhar o instagram dos outros à procura de fotografias com o filtro adequado e o foco a destacar os pontos certos. Já está. Vamos agora ao Pinterest.

"Xinapá, tantas piadas divertidas!!!"

Meia hora a rir-me sozinha, na maior parte das vezes com fotografias de gatos em situações embaraçosas.

Pausa. 

"Oh my god, o que é isto? Tenho MESMO de experimentar esta receita. Nunca cozinhei jdajdoisjdkl. Vou já criar um quadro e procurar mais 200 receitas com este mesmo ingrediente. Não interessa que nem sequer o tenha em casa, depois compro. Agora PRECISO MESMO de acumular receitas parecidas!!!"

Meia hora depois.

"Olha, já comia qualquer coisa! Vou ver que receitas ainda não experimentei dos livros de culinária."

Mais 15 minutos.

"Está mesmo a apetecer-me qualquer coisa doce, com chocolate... mas atenção à dieta, vamos para o light que já sei que mais tarde não me apetece ir ao ginásio outra vez. Farinha integral, seiva de agave, cacau magro... Hmmm... estes muffins..."

Uma hora depois os muffins estão prontos, rapei a tigela com a massa crua e fiquei sem apetite para o jantar. É que entretanto já são 8 da noite e aproveitei para cozinhar mais 4 pratos ao mesmo tempo que preparava os muffins

O cheiro nesta cozinha é embriagante. Cheira a bolos, cheira a sopa, cheira ao almoço do dia seguinte. Cheira a uma casa feliz e a uma cabeça no ar que sem saber como, vai arranjando desculpas para ser feliz. Mais um dia que se passou, a tese continua por terminar e a minha lista de receitas experimentadas aumentou consideravelmente. Não faz mal. Amanhã é outro dia.

~ Ingredientes ~

receita adaptada do livro A Lighter Way to Bake de Lorraine Pascale, p. 27

200g de farinha de trigo integral
75g de farinha de trigo 
50g de chocolate de culinária partido em pedaços pequenos
25g de cacau em pó
1 colher de chá de fermento químico
1/2 colher de chá de bicarbonato de sódio
1 ovo L
2 claras de ovo L
200ml de leite magro
100g de iogurte natural magro
50ml de azeite
3 colheres de sopa de seiva de agave Alecrim aos Molhos

Pré-aquecer o forno a 200º. Colocar as farinhas, os pedaços de chocolate, o cacau, o fermento e o bicarbonato de sódio numa tigela grande e fazer um buraco ao meio. Bater o ovo com as claras, adicionar o leite, o iogurte, a seiva de agave e o azeite até que estejam bem misturados. Adicionar aos ingredientes sólidos e misturar o mínimo possível para que se unam. Colocar a massa em formas de muffin (fiz cerca de 16) e cozinhar no forno 20m ou até que o palito saia seco. Quando os muffins estiverem suficientemente frios para ser agarrados, transferir para uma grade. A Lorraine sugere que estes muffins sejam comidos ainda quentes e eu confirmo - o chocolate derretido é o ponto alto destes deliciosos e saudáveis bolinhos! Caso contrário, podem sempre aquecê-los uns segundos no microondas antes de servir...

tempo de preparação: 40m
dificuldade: *
vegetariana: sim
para crianças:  sim 
ingrediente principal: seiva de agave Alecrim aos Molhos


E não se esqueçam de participar no passatempo [Limited Edition] x Alecrim aos Molhos até dia 31 de Dezembro!!
♥ Lovely Sponsor ♥


Comments

  1. Oi??? E não é que temos mudanças no ar? Não é teu costume dizer "amanhã é outro dia"! Estás no bom caminho para ter uma vida mais zen e sem stress. Afinal não custa nada, não é? E nas calmas, vais acabar por conseguir terminar a tua tese, mas na "boinha" :)

    ReplyDelete
    Replies
    1. Amanhã é outro dia = frase favorita dos procrastinadores... ;)

      Delete
  2. Sei bem como é essa coisa do vou só ver o que há de novo no Pinterest e quando vou a ver já se passaram quase 2 horas. Ohhh bichinho viciante!!! E coleccionar receitas é dose, só mais uma e mais uma e mais uma.....
    No fim, fostes buscar a receita a um livro.... ok! Sendo da Lorraine Pascale, ficas perdoada!!!
    E mesmo que não tenha cá o agave podes ter a certeza que "pinava" (esta palavra é estranha não é?) já esta receita!
    Bjoka
    Rita

    ReplyDelete
    Replies
    1. A Lorraine não me tem desapontado com este livro. Todas as receitas que fiz têm sido um sucesso! Essa do "pinar" acho que resulta lindamente! Ahah

      Delete
  3. Que belos muffins! ATé podem ser uma prendinha de Natal...
    beijinhos e BOAS FESTAS

    ReplyDelete
  4. Olá Maria,
    Adorei, pois claro e até consigo sentir todos os cheiros que descreves.
    Quanto ao resto, como te entendo, pois por aqui passa-se o mesmo... tenho de fazer isto, ah mas antes, vou para a blogosfera (que não tenho facebook, nem printerest, nem instagram) e depois vou fotografando as receitas dos blogues que acho fabulosas e depois vou ver uns quantos livros de culinária e entretanto... uuuupppssss... já são horas de ir buscar os putos à escola e assim se passou mais um dia...
    Beijinhos,
    Lia.

    ReplyDelete
  5. Olá Maria,
    Ai, como eu me revejo no que tu escreveste (sem a parte da tese é claro). Consigo sempre rir quando leio o teu blog.
    Bjs, Susana

    ReplyDelete
  6. Posso dizer-te que a minha relação com a tese (de mestrado) é exactamente igual à tua! Já tinha mestrado integrado mas quis continuar a estudar e fiz o primeiro ano estoicamente mesmo estando a trabalhar... A tese está em banho-maria, invento sempre alguma coisa para não a fazer... Como um bolo, uma sobremesa, qualquer coisa! E estes muffins parecem-me uma excelente desculpa não se trabalhar na tese :)

    Beijinhos*

    ReplyDelete
  7. Olá Maria,
    quase sinto os mesmos cheiros, às vezes a minha cozinha funciona assim, tudo ao mesmo tempo, vários cheirinhos bons!.
    E o tempo que passa e o pinterest é um vício! mas que adoro.
    Assimo como adoro o novo livro da Lorraine e estes muffins que fizeste, deliciosos, e para comer sem culpas!
    Aproveito e desejo um bom natal, festas felizes!
    Um beijinho.
    (não sei se terei tempo de participar no teu passatempo, mas adoro o tema)

    ReplyDelete
  8. Que lindos muffins :)
    São mesmo para comer sem pensar duas vezes!
    Eu acho que sim, deixar a tese para depois e brincar pelo facebook, instagram e afins :)
    E depois cozinhar um docinho, que bem que sabe!
    Um beijinho

    ReplyDelete

Post a Comment

Popular Posts