Meatless Monday ~ Lasanha, toda ela verde. Como a inveja.


Às vezes, passa algum tempo sem que publique no blogue, o que me deixa com um certo sentimento de culpa. Não necessariamente porque estou preocupada em defraudar as expectativas do meu volumoso clube de fãs, porque, vejamos, há para aqui 300 receitas e quase 1000 posts para se entreterem na minha ausência. Há várias razões pelas quais acontece não publicar com a mesma regularidade: ando mais ocupada, sem paciência ou sem inspiração. Acontece também que o que está a decorrer na minha vida na altura em que me ausento, sendo eu uma pessoa muito directa, dificilmente conseguiria esconder e evitar de escrever aqui. Por exemplo, há pouco tempo atrás uma amiga pediu-me para comparecer em tribunal como sua testemunha. Por razões óbvias, não podia nem posso desenvolver este assunto. Agora que já passou (E GANHÁMOS, BITCHES!!!) posso alongar-me um pouco mais e eventualmente fá-lo-ei, mas oh!, como me custou manter-me calada aqueles meses todos até à audiência...

Digamos que actualmente estamos numa situação parecida. Tenho sobre o que escrever, mas não acho que deva fazê-lo. Estou a digerir e a processar a informação toda até que surja uma altura inevitável em que ela surgirá. Até lá, poderão haver hiatos. E dias de férias, já agora.


Quando não escrevo muito tempo, sinto que estou mais em falha comigo mesma do que com os outros. Porque ter um blogue, conseguindo ou não mantê-lo actualizado, é um exercício eficaz de rotinas e responsabilidade. Ajudou-me a gostar cada vez mais de cozinhar e tornar-me cada vez - modéstia à parte, estou só a citar quem "me come" (wink, wink! ;) ) - melhor a fazê-lo. Além disso, escrever sobre mim, sobre o que me rodeia, ajuda-me a organizar ideias e a resolver assuntos pendentes. Uma vez na folha, não incomodam mais. É assim tão catártico, juro. Por isso, não cumprir com aquilo a que me comprometi, é falhar comigo mesma. E eu, directa, cândida e no caminho da perfeição, lido mal com falhas. E com gente parva também, já agora. Mas isso ficará para outras núpcias.

Agora vamos a esta lasanha completamente guilty free. Porque para pecados bastam os dos outros. Os meus não, já disse que sou perfeita, embora não tanto como os outros gostam de pensar que o são. Ah, e fui eu que inventei esta receita! That's just how good I am.

~ Ingredientes ~

molho

1 lata de tomate pelado
4 pedaços de tomate seco ao sol 
1 colher de sopa de azeite da conservação do tomate
oregãos secos
folhas frescas de manjericão
pimenta 
1/2 cebola
2 de dentes de alho

Na liquidificadora colocar todos os ingredientes e batê-los até conseguir um molho homogéneo. Reservar.

camadas

1 curgete grande
1 beringela pequena
1 pacote de natas de soja
250g tofu firme
1 molho de espinafres
1 fio de azeite
2 dentes de alho laminados
sal
pimenta preta Suldouro

Começar por cortar a curgete longitudinalmente com a mandolina, criando fatias longas e finas. Reservar. Descascar, cortar em fatias finas e salpicar com sal a beringela. Reservar também. Saltear o alho no azeite e adicionar o molho de espinafres. Quando estes começarem a murchar, adicionar o tofu esmagado e cozinhar cerca de 15m. Desligar o lume, temperar com sal e pimenta. 
Montar a lasanha num pirex untado com azeite colocando um pouco de molho de tomate na base. Preencher com fatias de curgete e depois metade da mistura de tofu e espinafres. Juntar mais molho. Adicionar nova camada de curgete e depois a beringela. Molho de tomate e nova camada de curgete. Colocar o resto do tofu, o resto do molho e uma última camada de curgete. Juntar um pacote de natas de soja e salpicar com o pão ralado. Levar ao forno a 180º cerca de 45m ou até que asse completamente.


♥ Lovely Sponsor ♥   

Comments

  1. Que bom, deve ser óptima a tua lasanha :)
    Boa semana.

    ReplyDelete
  2. Mais uma vez te elogio pela forma como escreves e te expressas. Adoro! E por favor continua a partilhar connosco.
    já agora, adorei a receita da lasanha ;)
    beijinhos
    sara

    ReplyDelete
  3. Hmm que coisa boa :)
    Também sou assim, se começo a façhar a rotina sinto que estou a falhar-me a mim própria, e que me está a faltar alguma coisa

    ReplyDelete
  4. Delícia de opção para a segunda sem carne.
    Bj,
    Lylia

    ReplyDelete
  5. Bom, só o titulo Maria... Excelente! :D
    Esta tua lasanha soa muito muito bem!

    Bjinhos

    ReplyDelete
  6. Que lasanha tão boa :)
    Já tinha saudades dos teus posts mas eu percebo, tb gostava de manter o meu blogue mais actualizado mas falta de tempo e cansaço levam a falta de paciência. Estamos é a precisar de umas férias de papo pro ar com urgência!
    Mas se sempre que voltares trouxeres uma receita cruelty free destas por mim tá ÓPTIMO! ;)

    beijinhoo***

    (E "quem me come - wink wink" ahahahaha só tu :P)

    ReplyDelete
  7. Uma receita fantástica e mais um post que me fez rir! :-D

    ReplyDelete

Post a Comment

Popular Posts