Soba com tempeh.


É verdade que o nosso paladar pode ser domesticado. Podemos ensiná-lo a ficar satisfeito com menos sal, com menos gordura, com menos açúcar. Há quem leve estas restricções ao limite, mas eu não sou fanática. Só com o Porto.

É engraçado brincar com os sabores, fazer substituições aqui e ali até sentirmos que não é o paladar que nos controla, muito pelo contrário. Podemos ensiná-lo a trocar os cereais ou a meia de leite com torradas que nos acompanharam as manhãs da vida toda por panquecas, iogurte grego com granola ou papas de aveia. Chegamos a uma altura em que nos perguntamos porque raio gastámos tanto dinheiro em Chocapic e pacotes de leite que custavam a digerir. Mas eu, como já dizia em cima, não sou fanática e dá-me imenso prazer ao sábado descer ao café da esquina e comer uma pratada de torradas com manteiga e uma meia de leite clarinha. Porém, os cereais já não me descem e mesmo este prazer das torradinhas pode perfeitamente saltar do semanal para o ocasional. Simplesmente porque não me apetece, não me chama. O que antes comia "porque tinha de ser... porque me faz bem... porque me ajudava a manter ou a perder peso..." faz hoje parte de uma rotina que é a que realmente mais gosto. Se as mudanças se fizeram da noite para o dia? Não. Mas também me diziam recentemente que tudo o que vale a pena leva o seu tempo. E comer como deve ser vale mesmo a pena.

E depois há aqueles ingredientes que custam a entrar, como é o caso do tempeh que só recentemente provei pela primeira vez. Tanto é que estive quase a não publicar aqui esta receita. Mas depois lembrei-me das acelgas que só conheci no ano passado. Do óleo de côco que veio substituir o azeite na maior parte dos refogados. Do travo característico da soba que trago toda satisfeita do Martim Moniz. E penso que vale a pena dar uma segunda chance ao tempeh, mesmo que não me tenha conquistado à primeira. Ou então mariná-lo antes de o cozinhar ou experimentar de outra marca, né sócia? ;)

 
~ Ingredientes ~
 
1 fio de óleo de coco
1 cebola em meias luas
1 dente de alho esmagado
gengibre fresco ralado qb
150g de tempeh
1 embalagem/rolo de soba
1 cenoura em cubos
folhas de aipo
1 folha grande de acelga em juliana 
coentros frescos picados
1 colher de chá de lemongrass 
1 colher de chá de molho de soja
pimenta de caiena qb 
sementes de sésamo Margão

Refogar a cebola, o alho e o gengibre ralado no óleo de côco numa frigideira funda ou wok. Quando a cebola estiver translúcida, adicionar o tempeh cortado em cubos. Saltear uns minutos. Adicionar a cenoura, a acelga e o aipo. Deixar cozinhar até que a cenoura esteja mole. Temperar com o lemongrass, o molho de soja e a pimenta. À parte cozer os noodles em água a ferver de acordo com as instruções da embalagem. Adicionar a soba aos legumes juntamente com uma concha de sopa da água da cozedura. Desligar o lume e polvilhar com as sementes de sésamo antes de servir.


tempo de preparação: 30m
dificuldade: *
vegetariana: sim
para crianças: sim 
ingredientes principais: tempeh

♥ Lovely Sponsor ♥

Comments

  1. Nunca comi, mas a julgar pelo aspecto não seria dificil :)

    ReplyDelete
  2. Uma das coisas boas da vida, é que estamos sempre a evoluir, a tentar sempre fazer mais e melhor, a aprender e a conhecer coisas novas :)
    http://coeurdartichautbyannabelle.blogspot.pt

    ReplyDelete
  3. Estou a passar por essas mudanças também, e vai que pensei também nos chocapics que comia sem pensar muito (agora já nem em sabem bem). O palato educa-se: também detestava tâmaras, mas tal foi o sururu de substituir o açúcar por essas frutas, que fui comprá-las, provei-as e afinal até gosto delas!
    Ainda bem que evoluimos senão ainda hoje andava aí a rebolar de tanto chocapic!
    Eu também detestei tofu da primeira vez que o comi, mas agora somos amigos inseparáveis - está tudo numa lógica de tentiva- erro.Não conheço esse tempeh mas cheira-me que vou comprar e provar (mas mariná-lo antes para sermos logo amigos e passarmos aquela fase esquisita)

    ReplyDelete

Post a Comment

Popular Posts