Trufas de alfarroba d' A Cozinha Verde.


Esta publicação corre o risco de sair um pouco lamechas, por isso peço desculpa antecipadamente se as teclas me encaminharem nessa direcção. Sei que não vêm aqui ler cartas de amor, mesmo sendo Dia de São Valentim, mas às vezes calha que o meu sarcasmo - o qual visto como uma segunda pele que tão bem me assenta - dá lugar a algum sentimentalismo. Isto acontece quando algo bom merece ser partilhado. E como elogio com o mesmo entusiasmo com que critico, não seria de esperar outra coisa depois de uma tarde bem passada com quatro meninas muito prendadas.

Faz hoje uma semana que nos encontrámos - eu, a Inês, a Ana e a Patrícia - para aprendermos um pouco mais sobre cozinha vegan. A Filipa preparou algumas receitas, doces e salgadas, totalmente isentas de ingredientes animais e carregadinhas de nutrientes, e lá fomos nós todas contentes para um dos seus workshops Vegan em Casa... da Patrícia! Sabendo de antemão que todas nós cozinhamos frequentemente, a Filipa preparou um workshop super elaborado, com receitas cheias de sabor - como esta fabulosa salada de lentilhas e quinoa com vinagrete de limão e cânhamo -, as quais degustámos em torno da mesa enquanto brindávamos com um batido proteico de frutos vermelhos. 

Para além de admirar toda a dedicação e motivação com que a Filipa se dedica ao seu projecto e estilo de vida, gostei especialmente dos momentos que passámos as cinco na cozinha da Patrícia. Desde o saco do Zé dos Leitões que a Inês teve o cuidado de seleccionar para trazer carregado de limões do seu pomar, às conversas que passam a correr e que me deixam com fome de mais sempre que estou com a Ana, às alfinetadas de amor que a minha querida Patrícia (aka #veganpolice) me espeta na consciência, foi uma tarde repleta de pequenos momentos que ultrapassam a soma de todos.

Sim, realmente é muito mais divertido manter um registo das coisas boas que este blogue me trouxe. 

~ Ingredientes ~

receita retirada do workshop Vegan em Casa d' A Cozinha Verde

1 cup (chávena) de avelãs, demolhadas na noite anterior
12 tâmaras, demolhadas na noite anterior
2 colheres de sopa de óleo de coco
2 colheres de sopa de geleia de arroz
4 a 6 colheres de sopa de alfarroba em pó
côco ralado para cobrir




Colocar as avelãs previamente demolhadas num processador de alimentos e picar até obter uma farinha grossa. Juntar as tâmaras e continuar a picar.
Adicionar o óleo de coco, a alfarroba em pó e misturar bem no processador até formar uma pasta. Moldar pequenas bolinhas com as mãos e passar no coco ralado.
Levar ao frigorífico até servir.

tempo de preparação: 20m
dificuldade: *
vegetariana: sim
para crianças: sim 
ingredientes principais: alfarroba 

Comments

  1. Foi uma tarde fantástica! :-) Venham mais conversas!

    ReplyDelete
  2. Umas trufas perfeitas para acompanhar tardes assim :)
    obrigado por partilhares
    bj
    sara

    ReplyDelete
  3. Adorei essas trufas, deviam estar mesmo deliciosas.

    www.ocantinhodosgulosos.blogspot.pt

    ReplyDelete
  4. Que dica original :P

    Acompanhem também: http://deaprendizachef.blogspot.pt/

    ReplyDelete
  5. Parece-me um dia muito bem passado! Fui dar uma espreitadela às receitas e parecem-me muito boas mesmo. Também gostava de fazer encontros de cozinhados assim!

    Já tinha visto várias vezes trufas feitas com tâmaras... mas por acaso não gosto nada de tâmaras, então nunca fiquei curiosa por experimentar. Para acrescentar a isso, na verdade, também estranho muito a alfarroba...
    No entanto, estas trufas em particular podem a estar a mudar a minha opinião acerca de ambas. Nunca tinha visto a combinação das duas - e parece-me que resolve os problemas que lhes aponto ;) E com côco e avelãs... parece-me que ia gostar muito disto, fiquei mesmo curiosa por experimentar!

    Boa semana :)

    ReplyDelete
  6. Trufas de alfarroba hummm, a experimentar sem dúvida :) adoro alfarroba.

    Beijinhos

    ReplyDelete
  7. Foi mesmo muito bom! E essas trufas eram mesmo boas (já de mãos lavadas ou lambidas lol souberam-me mesmo bem, a par dos cozinhados e da boa disposição).
    Tenho de fazer aquelas barrinhas.
    Um beijinho.

    ReplyDelete

Post a Comment

Popular Posts